Buscar
  • Fraternidade Agostiniana Leiga

Debate de Santo Agostinho com os Donatistas.

O processo de declínio do Império Romano do Ocidente começou em meados do século IV d.C., sobretudo em razão da série de problemas que desde o século III o assolava, como as invasões bárbaras, a crise econômica e a disputa dos militares pelo poder. Neste período, os cristãos, que já habitavam os domínios do Império há bastante tempo, passaram a crescer numericamente o que fez com que o Imperador Constantino instituísse o cristianismo como religião principal do Império Romano.


Santo Agostinho, vivenciou este declínio e em tempos difíceis, através de sua patrística ¹, participou de forma decisiva na elaboração doutrinal das verdades de fé do cristianismo e na sua defesa contra os ataques dos pagãos. Agostinho, contribuiu com a elucidação progressiva dos dogmas cristãos católicos e com o que se chama hoje de tradição católica.


Os donatistas defendiam a santidade pessoal dos ministros, tendo sido considerada pelo catolicismo, uma seita religiosa cristã, herética e cismática. Assista este vídeo que traz uma dramatização de um debate de Agostinho com os Donatistas.




Entendendo a palavra:


1 – Patrística : Os pais da Igreja foram os responsáveis por confirmar e defender a fé católica, a liturgia, a disciplina, criar os costumes e decidir os rumos da Igreja católica, ao longo dos sete primeiros séculos do cristianismo. Patrística é o nome dado à filosofia cristã católica dos primeiros séculos, elaborada pelos Padres ou Pais da Igreja, os primeiros teóricos.


Para saber mais sobre os donatistas, clique aqui.



Posts Recentes