Entrega ao Senhor o teu futuro


37


(36)


1 [De Davi.]Não te irrites por causa dos maus nem invejes os malfeitores.


2 Pois como o capim vão ser logo cortados, e como o mato verde vão secar.


3 Espera no Senhor e faze o bem: assim permanecerás na terra e terás segurança.

4 Põe no Senhor tuas delícias e ele te dará o que teu coração pede.


5 Entrega ao Senhor o teu futuro, espera nele, que ele vai agir.


6 Fará brilhar como luz tua justiça e o teu direito como o meio-dia.


7 Descansa no Senhor e nele espera. Não te irrites por causa dos que prosperam, por causa do
homem intrigante.


8 Desiste da ira, depõe o furor, não te irrites, só iria piorar.


9 Pois quem faz o mal será exterminado, mas quem espera no Senhor possuirá a terra.


10 Daqui a pouco não existirá o ímpio; se olhares para seu lugar, não o encontrarás.


11 Mas os humildes herdarão a terra, vão se alegrar com uma paz imensa.


12 O ímpio trama contra o justo e range os dentes contra ele,


13 mas o Senhor se ri do ímpio, pois sabe que está chegando o seu dia.


14 Os maus puxam a espada e retesam o arco, para atingir o humilde e o pobre, para matar os
retos de coração.


15 Sua espada vai penetrar no seu próprio coração, seu arco será quebrado.


16 Mais vale o pouco que tem o justo do que a abundância dos ímpios.


17 Pois os braços dos ímpios se quebrarão, mas o Senhor é quem sustenta os justos.


18 O Senhor conhece os dias dos inocentes, eterna será sua herança.


19 No tempo da calamidade não serão confundidos, nos dias de fome serão saciados.


20 Os ímpios morrerão, os inimigos do Senhor como as flores do campo vão murchar, e
desaparecer como fumaça.


21 O ímpio toma emprestado e não devolve, mas o justo tem piedade e doa.


22 Pois quem tem a bênção de Deus possuirá a terra, quem é por ele maldito será
exterminado.


23 O Senhor firma os passos do homem, sustenta aquele cujo caminho lhe agrada.


24 Se ele cair, não ficará prostrado, pois o Senhor segura sua mão.


25 Fui criança e agora estou velho: nunca vi um justo abandonado nem um descendente seu
pedindo pão.


26 Sempre se compadece e empresta, e sua posteridade vive abençoada.


27 Foge do mal e faze o bem, para viveres para sempre.


28 Pois o Senhor ama a justiça, não abandona seus devotos. Os maus serão destruídos para
sempre, a sua descendência, eliminada.


29 Os justos possuirão a terra, e nela para sempre vão morar.


30 A boca do justo profere a sabedoria, sua língua fala justiça.


31 A lei do seu Deus está no seu coração, seus pés não vacilam.



32 O malvado espreita o justo, busca um modo de o matar.


33 O Senhor não abandona o justo na mão do ímpio, não deixará que ele seja condenado no
julgamento.


34 Espera no Senhor e observa seu caminho. Ele te exaltará, para herdares a terra e assistires
com alegria a exclusão dos ímpios.


35 Eu vi o ímpio em sua arrogância crescendo como um cedro frondoso.


36 Passei depois e não estava mais lá, procurei-o e não o encontrei.


37 Observa o justo e vê o homem reto, pois o homem de paz tem futuro.


38 Mas os rebeldes todos serão destruídos, a posteridade dos maus será exterminada.


39 A salvação dos justos vem do Senhor, é ele seu refúgio no tempo da desgraça.


40 O Senhor os ajuda e os livra, livra-os dos ímpios e os salva, pois nele buscaram refúgio.

S A L M O S

SOBRE NÓS

Somos Católicos Agostinianos Leigos, integrantes do  Núcleo Nossa Senhora das Graças - Rio de Janeiro - RJ -  Paróquia Nossa Senhora das Graças - Vicariato Nossa Senhora  da Consolação do Brasil

LOCALIZAÇÃO

Rua Capitão Rubens, 55 - Marechal Hermes  - Rio de Janeiro - RJ – Brasil

CONECTE-SE
  • Grey Instagram Icon

Instagram

Acesse também pelo

seu dispositivo móvel

© 2017 por Fraternidade Agostiniana Leiga - Núcleo Nossa Senhora das Graças - ARS