Em ti está a fonte da vida


36


(35)


1 [Ao maestro do coro. De Davi, servo do Senhor.]


2 No coração do ímpio fala o pecado, temor a Deus não existe para ele.


3 Pois ilude-se consigo mesmo em procurar sua culpa e detestá-la.


4 Suas palavras são maldade e engano, deixou de entender e de fazer o bem.


5 Trama no seu leito a maldade, obstina-se no caminho que não serve, não quer rejeitar o mal.


6 Senhor, tua bondade chega até o céu, tua fidelidade até as nuvens;


7 tua justiça é como os montes mais altos, teus juízos como o grande abismo: tu salvas
homens e animais, Senhor.


8 Como é preciosa a tua graça, ó Deus! Os homens se refugiam à sombra das tuas asas.


9 Saciam-se da abundância da tua casa, da torrente das tuas delícias lhes dás de beber.


10 Pois em ti está a fonte da vida e à tua luz vemos a luz.


11 Concede sempre a tua graça a quem te conhece, e a tua justiça aos retos de coração.


12 Não deixes que me alcance o pé dos soberbos, não me faça fugir a mão dos ímpios.


13 Caíram os que cometem o pecado, abatidos, não podem reerguer-se.

S A L M O S

SOBRE NÓS

Somos Católicos Agostinianos Leigos, integrantes do  Núcleo Nossa Senhora das Graças - Rio de Janeiro - RJ -  Paróquia Nossa Senhora das Graças - Vicariato Nossa Senhora  da Consolação do Brasil

LOCALIZAÇÃO

Rua Capitão Rubens, 55 - Marechal Hermes  - Rio de Janeiro - RJ – Brasil

CONECTE-SE
  • Grey Instagram Icon

Instagram

Acesse também pelo

seu dispositivo móvel

© 2017 por Fraternidade Agostiniana Leiga - Núcleo Nossa Senhora das Graças - ARS